A expressão “saída limpa”, que provocou uma catarse nos partidos do centro (PSD e PS) configura em mim uma perturbação que passarei a explicar por via da seguinte metáfora, que os mais sensíveis se deverão abster de ler.
Uma saída limpa é algo parecido com aquelas limpezas que se fazem ao “fundo das costas” depois das descargas fecais que, por mais papel higiénico que se use, nunca se dão por completas mas que, face à hecatombe intestinal, dão a sensação de ficar limpas?
É que o caos é tal que a mais pequena ordem que se estabeleça depois pode parecê-lo… sem sê-lo!
destaques

Recent Posts

MEMORABILIA 17 – Balões passaram por Penacova

Alberto Malva no balão de ar quente A primeira travessia de Portugal em balões de ar quente aconteceu em maio…

4 dias ago

Concurso pode avançar nos próximos meses

Imóvel integra lista do programa Revive O Programa Revive foi lançado pelo governo em 2016 com o objetivo de abrir…

2 semanas ago

Uma barbearia que está sempre na moda

Fernando Dias e Pedro A moda da barba, nos rostos masculinos, fez renascer as barbearias. Em Lisboa, nas cidades e…

3 semanas ago

Um mercado para revitalizar a zona histórica

Edifício dos correios em Penacova Volto ao tema da reabilitação urbana do centro histórico de Penacova para dar um exemplo,…

4 semanas ago

Uma oportunidade para transformar o centro histórico

Centro histórico de Penacova O chamado centro histórico de Penacova tem sofrido, nas décadas mais recentes, com a chamada crise…

1 mês ago

Kristien e Dirk os pioneiros do Mondego

Dirk e Kristien fundadores de "O Pioneiro do Mondego"  Dirk Van Vossole, de nacionalidade belga, foi professor de educação física.…

2 meses ago