Eternamente grato ao “Juntos Somos Mais Fortes”!

Alguns elementos do grupo “Juntos Somos Mais Fortes”
Gostava de iniciar 2018, com um assunto ainda de 2017. Anualmente, nas mais diversas áreas, escolhem-se figuras, distinguem-se personalidades ou pessoas coletivas, pelos seus feitos, notoriedade, ou pela forma como conseguiram influenciar, ou servir de exemplo, à comunidade. Sem pestanejar, decidi escolher como figura do ano, o grupo de voluntários “Juntos Somos Mais Fortes”. 
Tentei, sem sucesso, convencer um dos seus mentores, Rafa Figueiredo, a juntar o maior número possível de amigos, para uma conversa que serviria de base a este texto. Em vão! Ocorreu-me então aquela velha máxima – “a verdadeira solidariedade começa quando não se espera nada em troca.”
A nega que recebi faz sentido! Estes verdadeiros heróis, que trabalharam sem descanso para sarar as feridas dos que sofreram com os incêndios, preferiram continuar “despercebidos”. O que fizeram, e foi tanto, fala por si!
O grupo “Juntos Somos Mais Fortes” surgiu, em São Pedro de Alva, imediatamente a seguir aos fogos de 15 de outubro. “Somos um grupo de amigos do alto concelho que está disposto a arregaçar as mangas e recolher os bens necessários para ajudar as vítimas dos incêndios”, ainda pode ler-se na página que criaram no Facebook.  
As redes sociais, por vezes tão criticadas, neste caso tiveram um papel fundamental. A corrente de solidariedade que se gerou encurtou distâncias e despertou vontades. O grupo teve milhares de adesões e partilhas e as ações solidárias surgiram de todo o lado, dentro e fora do país.
No terreno, com a ajuda das instituições locais ergueu-se uma estrutura de suporte, na Casa do Povo de São Pedro de Alva, para acolher os donativos que começaram a chegar após repetidos apelos nas redes sociais. Foram às aldeias, identificaram os mais carenciados, tentaram minimizar o seu sofrimento. Levaram palavras de esperança, mas também alimentos, roupas, mobiliário, materiais de construção, cabeças de gado, plantas, etc. 
Na grande maioria formado por jovens, este grupo de voluntários fez a diferença! Muito obrigado por tudo o que fizeram pelos penacovenses afetados pelos incêndios!
destaques

Recent Posts

MEMORABILIA 17 – Balões passaram por Penacova

Alberto Malva no balão de ar quente A primeira travessia de Portugal em balões de ar quente aconteceu em maio…

4 dias ago

Concurso pode avançar nos próximos meses

Imóvel integra lista do programa Revive O Programa Revive foi lançado pelo governo em 2016 com o objetivo de abrir…

2 semanas ago

Uma barbearia que está sempre na moda

Fernando Dias e Pedro A moda da barba, nos rostos masculinos, fez renascer as barbearias. Em Lisboa, nas cidades e…

3 semanas ago

Um mercado para revitalizar a zona histórica

Edifício dos correios em Penacova Volto ao tema da reabilitação urbana do centro histórico de Penacova para dar um exemplo,…

4 semanas ago

Uma oportunidade para transformar o centro histórico

Centro histórico de Penacova O chamado centro histórico de Penacova tem sofrido, nas décadas mais recentes, com a chamada crise…

1 mês ago

Kristien e Dirk os pioneiros do Mondego

Dirk e Kristien fundadores de "O Pioneiro do Mondego"  Dirk Van Vossole, de nacionalidade belga, foi professor de educação física.…

2 meses ago