MEMORABILIA 16 – Centro de saúde abriu há vinte anos

Centro de Saúde Penacova foi inaugurado há vinte anos
O edifício foi construído em 1996. Seguiu-se um demorado concurso para aquisição de equipamento e, pelo meio, surgiram algumas infiltrações provocadas pelos invernos rigorosos. Daí que só dois anos mais tarde, nos primeiros meses de 1998, tenha começado a funcionar.
A nova estrutura, situada em Carrazedos, custou duzentos e oitenta mil contos, na moeda antiga, cerca de um milhão e quatrocentos mil euros e foi construída em terrenos cedidos pela câmara de Penacova.
No corte da fita, em maio desse ano, estiveram Maria de Belém Roseira, ministra da saúde, Vítor Batista, governador civil de Coimbra, Maurício Marques, presidente da autarquia, João Diogo, diretor do centro de saúde e Afonso Viseu, provedor da misericórdia.
Na ocasião, a ministra disse que era intenção do governo equipar a unidade com novas valências, como as análises clínicas e a radiologia. O presidente da câmara pediu a intervenção de Maria de Belém para que fosse encontrada uma solução para o velho hospital, nomeadamente a possibilidade de criar ali uma unidade de cuidados continuados. O diretor do centro de saúde sublinhou a necessidade de construir uma nova extensão na freguesia de Lorvão, uma das mais populosas do concelho.
ÁLVARO COIMBRA / JORNAL DE PENACOVA 1998
   
destaques

Recent Posts

Crédito Agrícola vê oportunidade e vai para o Terreiro

Crédito Agrícola vai ocupar local nobre de Penacova Nos anos mais recentes, BPI, BIC e agora o BCP encerraram balcões…

1 semana ago

Penacova na pintura de Eugénio Moreira

"Ferreirinha " retrato a óleo 73 x 93 Museu Nacional Soares dos Reis De acordo com Abel Salazar, Eugénio Moreira…

2 semanas ago

“TECER A PREVENÇÃO – Plano Local de Promoção e Proteção dos Direitos das Crianças e Jovens do Concelho de Penacova”.

Confesso que o nome, só por si, me fascinou.Esta dimensão tão abrangente das palavras, a conceção de um trabalho diligente,…

2 semanas ago

Reconstrução de casa na Ribeira bastante atrasada

Obra tem andado a um ritmo muito lento Na tragédia de 15 de outubro, do ano passado, o fogo destruiu…

3 semanas ago

Lorvão e Alcobaça no Registo da Memória do Mundo

Passados três anos após a inscrição no Registo da Memória do Mundo dos manuscritos “Apocalipse do Lorvão” e “Comentário ao…

4 semanas ago

Viver no interior não é uma fatalidade

Como o Fundão pode ser inspirador para Penacova Penacova tem um atraso estrutural que muito dificilmente conseguirá recuperar. Continuamos a…

4 semanas ago