Maria da Luz e os melhores tremoços do mundo

Maria da Luz vende tremoços no centro de Penacova
É uma daquelas figuras da terra que há, talvez, trinta anos, a própria já não sabe ao certo, nos habituou com a sua presença no Terreiro de Penacova. Faça chuva ou sol, lá está ela, com o seu alguidar de tremoços caseiros, colocado em cima do muro. “Ainda sou eu que os cozo, mas antes disso, ficam de molho junto ao rio, na zona das Caldas”, diz-me Maria da Luz, um símbolo da cultura popular e uma das personagens mais conhecidas desta vila.
De sorriso fácil, boa conversadora, a vida tem-lhe trazido alguns dissabores. Enviuvou recentemente mas tem força e resistência para não desistir e, por isso, mantém a tradição que vem de família – “a minha mãe já vendia tremoços. Ia porta a porta até à Cheira.”
Hoje, o negócio já não é o que era mas, ainda assim, continua a deslocar-se a Penacova – “Faço isto por gosto e já me habituei a este sítio. Acabo por passar o tempo e converso com as pessoas porque, felizmente, conheço muita gente. A minha irmã leva alguns tremoços para vender em Paredes, mas isto já dá pouco”, afirma Maria da Luz. O café Beirão, conhecido pela boa cerveja de pressão, acompanhada de bons tremoços, continua a ser um dos clientes assíduos – “o senhor Luís Menezes é cliente há muitos anos. Nosso Senhor lhe dê saúde!”
De seu nome completo, Maria da Luz Pereira da Cruz Lopes, tem 74 anos, três filhos e sete netos. “O Carlos está na Suíça, o Eduardo e o Orlando estão cá.” 
Os tremoços são dos aperitivos mais apreciados nas esplanadas e cafés portugueses. O tremoço não é mais do que a semente de uma planta, o tremoçeiro, cujas flores assumem várias cores. Nutritivo e pouco calórico, o tremoço é uma tradição que resiste em Penacova graças a pessoas como a Maria da Luz. O sabor dos seus tremoços, preparados em casa, na Ponte de Penacova, nada tem a ver com os tremoços industriais. São, sem sombra de dúvida, mais saborosos e suculentos. Neste Dia Internacional da Mulher, a minha vénia a esta senhora, que ao longo dos anos, tem contribuído para
manter esta tradição. 
destaques

Recent Posts

MEMORABILIA 17 – Balões passaram por Penacova

Alberto Malva no balão de ar quente A primeira travessia de Portugal em balões de ar quente aconteceu em maio…

4 dias ago

Concurso pode avançar nos próximos meses

Imóvel integra lista do programa Revive O Programa Revive foi lançado pelo governo em 2016 com o objetivo de abrir…

2 semanas ago

Uma barbearia que está sempre na moda

Fernando Dias e Pedro A moda da barba, nos rostos masculinos, fez renascer as barbearias. Em Lisboa, nas cidades e…

3 semanas ago

Um mercado para revitalizar a zona histórica

Edifício dos correios em Penacova Volto ao tema da reabilitação urbana do centro histórico de Penacova para dar um exemplo,…

4 semanas ago

Uma oportunidade para transformar o centro histórico

Centro histórico de Penacova O chamado centro histórico de Penacova tem sofrido, nas décadas mais recentes, com a chamada crise…

1 mês ago

Kristien e Dirk os pioneiros do Mondego

Dirk e Kristien fundadores de "O Pioneiro do Mondego"  Dirk Van Vossole, de nacionalidade belga, foi professor de educação física.…

2 meses ago